Socialite.activate (elemento, 'Widget');

quinta-feira, 15 de abril de 2021

Enquanto isso... Lustosa e Caribé: unidos pelas contas rejeitadas

A população de Belém do São Francisco vem acompanhando de perto e com muita atenção as movimentações políticas da câmara de vereadores e o comportamento de cada parlamentar, lá se encontram 3 relatórios enviados pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE) que vai definir o futuro de Gustavo Caribé e Licínio Lustosa. Os 2 políticos belemitas já protagonizaram inesquecíveis embates, agora eles estão na mesma situação e dependendo do julgamento de 11 vereadores.

Gustavo Caribé é o atual prefeito e está no terceiro mandato, foi eleito em 2008 e reeleito em 2012 contra o próprio Licínio. Já Licínio Lustosa que perdeu para Gustavo em 2012, foi eleito em 2016 e logo no primeiro ano de governo teve as contas rejeitadas. Gustavo já foi absolvido pela câmara em julgamento anterior, agora vai enfrentar novo julgamento e dessa vez com 2 contas rejeitadas pelo TCE. Já o ex-prefeito Licínio vai ser julgado pela primeira vez, com as contas referentes ao exercício financeiro de 2017.

A comissão de finanças órgão da câmara responsável por analisar os relatórios enviados pelo TCE, regimentalmente tem 60 dias para apresentar relatórios a favor ou contrario. Segundo um experiente político de Belém do São Francisco, ninguém tem numero suficiente para derrubar o parecer do Tribunal de Contas, por isso não está descartado a possibilidade de um acórdão entre as partes. Sem acórdão para salvar ambas as peles, tanto Licínio quanto Gustavo, fica inelegíveis e dão adeus aos planos para 2024.

Portanto, na terra dos bonecos gigantes, grande mesmo são as expectativas para a votação das contas de Gustavo Caribé e Licínio Lustosa. O clima na câmara não é favorável nem para um nem para o outro, lembrando apenas que tem um ditado que diz que na política tudo pode acontecer e inclusive nada. Tem quem diga que a única obra de Licínio nos 4 anos de mandato foi a construção de um relógio gigante, ainda de acordo com nosso analista tudo foi proposital para marcar as horas até o retorno.

Ainda de acordo com o nosso parceiro do Blog Didi Galvão, no caso de a câmara municipal votar pela aprovação do parecer do TCE em relação as 3 contas, isso pode significar impossibilidade de Gustavo Caribé ir a reeleição e tentar o quarto mandato. Enquanto que para o ex-prefeito Licínio Lustosa, com a rejeição a câmara estaria emperrando a engrenagem do relógio e tornado em pesadelo o sonho de voltar a ser prefeito. Portanto, 11 vereadores e a responsabilidade nas mãos de definirem o futuro político de duas personalidades da política belemita. 

Blog: O Povo com a Notícia